Notícias Renault Trucks
rss


01.10.2012

O design ao serviço da poupança de combustível

Aerodinamismo avançado

Durante o Salão IAA, em Hanôver, a Renault Trucks apresenta um estudo de design industrial baseado num veículo grande estradista totalmente direccionado para a poupança de combustível. Materiais nobres, aerodinamismo avançado e inovações tecnológicas misturam-se neste veículo destinado a indicar ao fabricante uma direcção a seguir a longo prazo na investigação em matéria de poupança de combustível.

O trabalho em torno do CX/03 é um estudo de design industrial e não um estudo de estilo,” alerta Hervé Bertrand, Director de Design da Renault Trucks. Este veículo inscreve-se na linha dos trabalhos de investigação anteriores do fabricante neste domínio, como o Optifuel Lab. “Tem por missão apresentar o que a Renault Trucks faz de melhor em matéria de poupança de combustível,” continua Hervé Bertrand “e fornecer-lhe uma direcção a seguir a longo prazo para futuras investigações”. É por isso que cada elemento do veículo possui uma função bem precisa que foi, essencialmente, determinada pelo aerodinamismo e a eficácia.

Em primeiro lugar, a calandra. Unicamente composta pela sua estrutura tubular em fibra de carbono e em alumínio, aparece como um exosqueleto do camião que, por outro lado, inspira a leveza e a robustez Na parte central, um painel amovível extensível desce na parte inferior quando a velocidade do veículo aumenta. Mais abaixo, um spoiler faz o mesmo para reduzir a distância ao solo e três lamelas aerodinâmicas orientam o fluxo de ar para o redireccionar para os lados. Quanto aos retrovisores, são reduzidos à sua expressão mais simples e fixos com dois tubos perfilados. Para eles, tal como para todos os elementos, o objectivo é o mesmo: favorecer a penetração no ar em benefício do consumo.

Pela mesma ordem de ideias, os degraus de acesso, causa de turbulências, e as rodas do tractor, são cobertos a fim de favorecer o fluxo do ar. A nível da cabina, a inclinação do pára-brisas, aquilo a que os desenhadores chamam de “pilar A”, é de 12°. Proporciona o melhor compromisso aerodinâmico. Além disto, é ligeiramente inclinada na parte de trás para dar dinamismo ao camião. ”Queríamos que fosse perceptível logo desde o primeiro olhar que todos os elementos deste veículo tinham sido pensados para serem leves, eficazes e destinados a favorecer o aerodinamismo,” refere Hervé Bertrand.

 

Renault Trucks CX03Mas o aerodinamismo de um camião não se limita ao tractor. O reboque tem também um papel essencial. Recuperando elementos de investigações anteriores, como Optifuel Lab, a Renault Trucks concebeu um reboque com tejadilho arredondado, aproximando-se do desenho de uma gota de água, com uma guarnição lateral que engloba todas as rodas e os deflectores traseiros. Além disto, a conectividade entre o tractor e o reboque foi particularmente trabalhada uma vez que o espaço entre os dois gera turbulências importantes. ”Para as reduzir ao máximo, concebemos um sistema de guarnições reguláveis,” explica o Director de Design da Renault Trucks, “quando o veículo está na auto-estrada, a cabina une-se ao reboque e o fluxo de ar não é sujeito a perturbações. Por outro lado, a baixa velocidade, para poder manobrar o camião, e quando não forem úteis, as guarnições são recolhidas.”

Renault Trucks CX03

Verdadeira máquina-ferramenta dedicada à eficácia, à fiabilidade e à poupança de combustível, o CX/03 não deve, contudo, ser considerado como um monstro sem sentimentos. ”Não queríamos que a seriedade excluísse a paixão,” diz Hervé Bertrand, “e para dar um toque de ‘calor’ a esta máquina-ferramenta, decidimos adicionar do lado da cabina uma placa de alumínio com um degradé de vermelho. O vermelho que é, claro, tanto a cor da paixão como a cor da Renault Trucks.

rss